Techie

Como criar senhas seguras e fáceis de lembrar

Sempre que uma lista das senhas mais usadas no mundo é divulgada, eu fico até com medo! Sério! Como uma pessoa pode usar coisas tão óbvias como a palavra “senha” ou então “123” para proteger o seu perfil em uma rede social, por exemplo? Como assim ainda existem pessoas que não usam senhas seguras em seus serviços?


Criar senhas seguras hoje em dia é fundamental

Como criar senhas seguras e fáceis de lembrar

Não são poucos os relatos de contas invadidas e senhas vazadas indevidamente. Se você usa uma senha fácil de ser descoberta, como data de nascimento ou sequências, corre o sério risco de perder a sua conta.

O que você não deve fazer ao criar senhas

Antes de falarmos em como criar senhas seguras e fáceis de lembrar, precisamos mostrar o que você não deve fazer ao criar suas senhas. Evite sempre o seguinte:

– Usar datas de nascimento, seja a sua ou então de a parentes
– Usar sequências tanto de número ou de letras (123456, qwerty, abcdefg)
– Usar palavras óbvias demais como “senha”, “password”
– Usar o mesmo nome de login como senha
– Usar palavras que refletem seus gostos, como o time de futebol, a cor, a sobremesa favorita
– Usar variações muito parecidas com senhas já utilizadas

Como criar senhas seguras e fáceis?

Uma das maneiras mais simples é pegar uma palavra que você sabe que não vai se esquecer e misturar caracteres como letras maiúsculas, minúsculas, números e símbolos. Por exemplo, vamos usar a palavra “revolução”. Para transformá-la em uma senha um pouco mais segura, você poderia deixá-la da seguinte forma: R3v8!uÇ@o. Veja que ela se tornou uma senha bem mais segura do que se usarmos apenas a palavra revolução, sem qualquer mudança.

São vários os serviços que necessitam de senhas, então como lembrar as senhas de todos eles?

Você jamais deve utilizar a mesma senha em todos os serviços que usa. Se o banco de dados de apenas um deles vaza, o risco de perder todas as contas é muito grande. Para criar senhas seguras e fáceis para todos os eles, recomendaria duas alternativas:

Usar um gerenciador de senhas

Aplicativos como o 1Password ou o LastPass são ótimos para criar e gerenciar suas senhas. São programas que permitem que o usuário memorize apenas uma “senha mestra” para acessar o banco de dados.

A outra alternativa seria escolher uma palavra aleatória qualquer e seguir o exemplo que demos acima, incluindo números e símbolos, adicionando sempre no início e/ou no final da palavra, as quatro primeiras letras do serviço com caracteres maiúsculos.

Mais uma vez, vamos utilizar por exemplo a palavra “Revolução”. Digamos que queremos criar uma senha para o serviço Gmail. A senha ficaria da seguinte forma: GMAIR3v8!uÇ@oGMAI. Se estivéssemos criando uma senha para o Outlook, ficaria da seguinte forma: OUTLR3v8!uÇ@oOUTL. Veja que são senhas bem mais seguras do que usar o nome do seu cachorro e fáceis de lembrar. A única coisa que você precisa guardar em mente a palavra aleatória, já sabendo que o complemento desta senha são as quatro primeiras letras do serviço.

Ative a autenticação em duas etapas sempre que possível

Alguns serviços oferecem a opção de autenticação em duas etapas, ou seja, além da senha, será necessário um código que só o usuário dono de determinada conta pode gerar. Veja como ativar a verificação em duas etapas no Google, no Outlook (Microsoft), no Dropbox, no Facebook, no iCloud da Apple, no Tumblr, no Twitter.

Agora que você já sabe como criar senhas seguras e fáceis de serem lembradas, aproveite para mudar a senha de todos os serviços que usa, antes que seja tarde demais!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Seja o primeiro a comentar!